Vereador propõe inclusão de carteiros no grupo prioritário de vacinação

Vereador propõe inclusão de carteiros no grupo prioritário de vacinação

Ruan Cunha | Destaque

Anuncio

O vereador por Cuiabá, Paulo Henrique Figueiredo (PV), apresentou uma indicação na sessão da Câmara Municipal nesta terça-feira (19) que visa a inclusão dos carteiros no grupo prioritário de vacinação. Para o vereador, a medida é necessária para “a segurança dos profissionais que continuaram a exercer suas funções mesmo diante da pandemia do coronavírus”.

O parlamentar frisou que “o enfrentamento da pandemia requer uma ampla frente de medidas de intervenção de múltiplos setores da sociedade, envolvidos tanto na manutenção do funcionamento dos serviços de saúde, nas ações de vacinação, bem como na implementação e fiscalização das medidas não farmacológicas”.

Diante disso, além dos trabalhadores de saúde já explicitamente descritos no Plano Nacional de Operacionalização da Vacinação contra a Covid-19 (PNO), há de se ressaltar as ações de determinados segmentos, como os carteiros.

Os profissionais têm a responsabilidade de organizar logisticamente suas entregas por setor de forma rápida e segura. “A profissão é uma das mais tradicionais existentes, uma das mais arcaicas, sempre teve papel fundamental por realizar a comunicação e interação entre as pessoas. Sem dúvida é um trabalho que exige muita disposição, os carteiros percorrem quilômetros todos os dias, carregando grandes bolsas com cartas e documentos, exigindo-se assim bom preparo físico”, justificou.

RUSGA POR CONTA DOS GRUPOS PRIORITÁRIOS

O secretário estadual de Saúde, Gilberto Figueiredo, criticou gestores municipais por estarem criando grupos prioritários de vacinação, além dos que já estão definidos pelo Programa Nacional de Imunização (PNI).

O prefeito de Cuiabá, Emanuel Pinheiro (MDB), rebateu a fala de Figueiredo e negou que esteja ‘passando grupos na frente’ de outros para a vacinação contra o coronavírus na Capital.

A crítica ao prefeito veio depois que Emanuel anunciou que incluiria jornalistas no grupo prioritário da vacinação. Nesta terça-feira (18), o prefeito também iniciou a vacinação de assistentes sociais. Além destes, Cuiabá já vacinou garis, carroceiros, catadores de recicláveis, trabalhadores de limpeza urbana e motoristas do transporte coletivo.

(Com informações do Única News)