Várzea Grande viabiliza mil toneladas de calcário para produtores rurais

Várzea Grande viabiliza mil toneladas de calcário para produtores rurais

AdrianeMartins | Destaque

Anuncio

O calcário será utilizado para correção e recuperação do solo das propriedades rurais visando promover o desenvolvimento da produção local.

A Prefeitura de Várzea Grande, Governo do Estado de Mato Grosso e Assembleia Legislativa se unem no incremento de políticas públicas de fortalecimento da Agricultura Familiar no fomento da geração do emprego e renda das comunidades rurais de Várzea Grande. A iniciativa contemplou cerca de 500 famílias com mil toneladas de calcário para essas localidades. O calcário será utilizado para correção e recuperação do solo das propriedades  rurais visando promover o desenvolvimento da produção local.

“Várzea Grande tem a identidade cultural na agricultura familiar, e nossa bandeira é tratar a agricultura familiar com compromisso, pois apostar na categoria é apostar na geração de emprego, renda e melhor qualidade de vida. A prefeitura está presente nas comunidades rurais fortalecendo as parcerias e investindo pesado na infraestrutura”, sublinhou o prefeito, Kalil Baracat.

Conforme o secretário de Meio Ambiente e Desenvolvimento Rural Sustentável, Célio Santos, a iniciativa atendeu 500 famílias das comunidades rurais de Várzea Grande com a disponibilização de mil toneladas de calcário. “O calcário corrige a acidez do solo e é essencial para que a terra cumpra com a sua função de gerar alimento. Não adianta investir na propriedade sem antes preparar a terra com elementos apropriados para a fertilização e plantio dos alimentos. A ação visa dar melhores condições para agricultores serem mais competitivos no mercado da Baixada Cuiabana”, frisa.       

 Segundo a vereadora Rose Prado, o objetivo da parceria, via Assembleia Legislativa, por meio da emenda parlamentar do deputado Estadual, Dilmar Dal Bosco é ajudar o pequeno produtor. “Muitos produtores carecem de auxílio e técnica, ações como estas promovem o desenvolvimento da produção e melhorias na qualidade de vida do produtor. A ação desenvolvida pela Prefeitura busca ajudar o pequeno produtor a melhorar sua produção, utilizando as técnicas necessárias e incentivando o uso de tecnologia na propriedade”.   

O presidente da comunidade Sadia I, José Ribamar, agradeceu o apoio que a prefeitura, governo e Assembleia Legislativa vêm dando aos moradores. “Estávamos precisando do calcário, mas não tínhamos condição de comprar e com a doação isso foi possível, o calcário veio em boa hora. A doação é muito importante para nós, ela vai melhorar ainda mais nosso plantio e produção agrícola”,  disse. 

Já o presidente do sindicato dos Trabalhadores Rurais de Várzea Grande e da comunidade Sadia III, Miguel Francisco destacou que o calcário para o preparo da terra é de suma importância, pois retira a acidez da terra e consequentemente a melhoria na preparação do solo,  plantio e produção dos alimentos da terra. “Estamos contentes com a iniciativa, o sindicato segue lutando com apoio do prefeito Kalil Baracat, para o resgate da agricultura familiar visando produção, comercialização e incentivo da agricultura familiar do município. Estamos desenvolvendo um bom trabalho graças ao apoio da gestão Kalil”.

O secretário adjunto da Secretaria de Estado Agricultura Familiar (SEAF/MT), Clovis Cardoso, agradeceu a presença dos produtores no local. “O calcário vai trazer melhorias não só para a propriedade e sim para cada um de vocês. O governo vai incrementar este segmento no município com incentivos, assistência técnica, investimentos e equipamentos, melhorar também as estufas nas comunidades, além da disponibilidade de um caminhão basculante para ampliar a capacidade de produção e distribuição dos produtos”, enfatizou.

Conforme o diretor-presidente da Empaer, Renaldo Loffi, o órgão tem projetos específicos para as comunidades, como a Unidade de Referência de Tecnologia, onde eles podem conhecer e aprender novas habilidades da tecnologia adequada para o segmento. “Em relação ao calcário, temos equipes técnicas para análise gratuita de manejo do solo, para o agricultor trabalhar de forma adequada e sustentável”.       

O produtor rural, Sebastião de Oliveira, mencionou o trabalho que vem sendo realizado pela prefeitura. “É um estímulo o que a prefeitura está fazendo para nós, eles nos incentivam a melhorar a nossa produção e ainda nos fornecem auxílio e máquinas”, concluiu.

O calcário contemplou comunidades do Sadia I, Sadia III, Dorcelina Folador, Limpo Grande, Formigueiro, São José da Vista Alegre, entre outras regiões.

  • Fonte: Secom/VG Reporter: Cláudia Joséh